Minas Tirith

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Minas Tirith

Mensagem  Magôl em Qui Mar 26, 2009 6:15 pm

Minas Tirith


O nome refere-se à Torre Branca, mas é utilizado também
para a cidade. A cidade branca é situada no sopé do Monte
Mindolluin, em Gondor.
A cidade é cercada por seis fileiras de muros de pedras
brancas, exceto a última fileira, mais externa, feita de pedra
negra, como a de Orthanc. A Torre de Ecthelion, situada no
centro do último e mais alto círculo de muros, brilha como um
pico de prata e pérola, alta e como se fosse feita de cristal. A
cidade foi construída sobre seis terraços, um sobre o outro,
separados, cada um, por uma distância de 100 pés um do
outro. No primeiro andar, fica o Grande Portão, feito de aço e
virado para o leste.
O segundo portão, no segundo círculo de muros situa-se
virado 45° ao sul, em relação ao primeiro, e o portão do
terceiro andar, 45° ao norte. Os demais portões seguem o
mesmo padrão. A partir do sexto portão, chegando na
cidadela, existe uma pequena ladeira até o sétimo portão,
encravado na pedra da montanha e finalmente chegando à alta
corte, junto ao Merethond e o local da Fonte, onde a Árvore
Branca um dia floresceu, e da onde o Anduin pode ser visto, à
frente do pináculo da Torre Branca, onde a bandeira branca
dos Regentes tremula 1000 pés acima do solo. Na Torre
Branca ficava um dos Palantír, colocado numa câmara secreta
logo abaixo do teto. Além disso, no sexto andar ficam as Casas
de Cura e o mercado.
No topo do quinto muro, a pedra da parede encontra a pedra
da montanha, ligando a cidade ao Mindolluin.
A sacada desse muro é coberta com uma proteção forte, e é
completamente fechada, e leva até onde ficam os Salões e as
tumbas dos antigos Reis e Regentes, ao fim da Rath Dínen, a
rua silenciosa. A única entrada é pela Porta Fechada, a Porta
dos Regentes de Gondor, no sexto nível, que leva a um túnel
em declive. Fora do Grande Portão ficam os Campos de
Pelennor. À frente do Grande Portão passa a Grande Estrada
do Oeste.
Isildur e Anárion construíram Minas Arnor (que depois veio
a se chamar Minas Tirith) após a queda de Númenor, no final
da Segunda Era, basicamente como uma guarnição vigiando o
norte e oeste de Osgiliath. O sexto Rei de Gondor, Ostoher
reformou e ampliou Minas Arnor, tornando-a residência de
verão dos Reis de Gondor. O vigésimo-sexto Rei de Gondor,
Tarondor nomeou Minas Arnor residência oficial dos Reis de
Gondor, onde foi plantada a semente da Árvore Branca.
Assim, Minas Arnor tornou-se capital de Gondor. O último
Rei de Gondor, Earnur rebatizou Minas Arnor para Minas
Tirith, quando da queda de Minas Ithil.


king Magôl

_________________
Amar en EnnoRath

Magôl
Admin

Número de Mensagens : 169
Data de inscrição : 15/02/2009
Idade : 27

Ver perfil do usuário http://middle-earth.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum